Almanaque umdoistres

Agosto  2012

Todas as publicações em  Almanaque umdoistres são de textos e imagens que circulam diariamente entre as milhares de Caixas de Entrada de grupos que compartilham e-mails entre si. O endereço umdoistres@umdoistres.com.br, desde 2003 faz parte de incontáveis Catálogos de Endereço no Brasil e exterior. Nada publicado aqui é de autoria de nossa equipe - salvo quando assinado.

            Julho 2012   Junho 2012   Maio 2012   Abril 2012   Março 2012   Fevereiro 2012   Janeiro 2012

 Almanaque 2011   Almanaque 2010   Almanaque 2009   Almanaque 2008  

Um dos melhores documentários sobre São Paulo. Imperdível !!!
http://player.vimeo.com/video/14770270?title=0&byline=0&portrait=0

Que extraordinária disciplina das chinesas!
http://www.youtube.com/embed/1vA4T1wfJLE?rel=0

Crônicas e textos sobre Lampião.
cronicasetextossobrelampiao.pps

Saudades! Coisas antigas que se usavam nas escolas.
lembrabcadecoisasdaescola.pps

Os 5 Generais Presidentes

Por jornalista Carlos Chagas


"Erros foram praticados durante o regime militar, eram tempos difíceis. Claro que, no reverso da medalha, foi promovida ampla modernização das nossas estruturas materiais. Fica para o historiador do futuro emitir a sentença para aqueles tempos bicudos."  Mas uma evidência salta aos olhos: a honestidade pessoal de cada um!

Quando Castelo Branco morreu num desastre de avião, verificaram os
herdeiros que seu patrimônio limitava-se a um apartamento em Ipanema e umas poucas ações de empresas públicas e privadas.



Costa e Silva, acometido por um derrame cerebral, recebeu de favor o
privilégio de permanecer até o desenlace no palácio das Laranjeiras,
deixando para a viúva a pensão de marechal e um apartamento em
construção, em Copacabana.



Garrastazu Médici dispunha, como herança de família, de uma fazenda de
gado em Bagé, mas quando adoeceu precisou ser tratado no Hospital da
Aeronáutica, no Galeão.



Ernesto Geisel, antes de assumir a presidência da República, comprou o
Sítio dos Cinamonos, em Teresópolis, que a filha vendeu para poder
manter-se no apartamento de três quartos e sala, no Rio.



João Figueiredo, depois de deixar o poder, não aguentou as despesas do Sítio do Dragão, em Petrópolis, vendendo primeiro os cavalos e depois a propriedade. Sua viúva, recentemente falecida, deixou um apartamento em São Conrado que os filhos agora colocaram à venda, ao que parece em estado de lamentável conservação.
OBS: foi operado no Hospital dos Servidores do Estado, no Rio.

Não é nada, não é nada, mas os cinco generais-presidentes até podem ter cometido erros, mas não se meteram em negócios, não enriqueceram nem receberam benesses de empreiteiras beneficiadas durante seus governos.
Sequer criaram institutos destinados a preservar seus documentos ou agenciar contratos para consultorias e palestras regiamente remuneradas.

Bem diferente dos tempos atuais, não é?

Pois é... o pior é que ninguém faz nada !

Acrescento: nenhum deles mandou fazer um filme pseudo biográfico, pago com dinheiro público, de auto-exaltação e culto à própria personalidade!
Nenhum deles usou dinheiro público para fazer um parque homenageando a própria mãe.
Nenhum deles usou o hospital Sírio e Libanês.
Nenhum deles comprou avião de luxo no exterior.
Nenhum deles enviou nosso dinheiro para "ajudar" outro país.
Nenhum deles saiu de Brasília, ao fim do mandato, acompanhado por 11 caminhões lotados de toda espécie de móveis e objetos roubados.
Nenhum deles exaltou a ignorância.
Nenhum deles falava errado.
Nenhum deles apareceu embriagado em público.
Nenhum deles se mijou em público.
Nenhum deles passou a apoiar notórios desonestos depois de tê-los chamado de ladrões.

Você já chegou a este ponto?


É realmente deprimente.

 

Nova geração saindo com os amigos???

Tomando café

 

Jantando no restaurante favorito

 



Visitando um museu

 



Encontrando em uma lanchonete

 



Relaxando na praia

 



Indo ao jogo

 



Indo em um encontro

 



Dando uma volta pela cidade



Será que eu ainda voaremos num desses? Vantagem: não tem poltrona com janelas sobre as asas.
Nova aeronave "Boeing 797" - um mamute no ar?
Assustador colocar 1.000 pessoas de uma vez em um avião, fora tripulação que não pode ser pequena mas, que o “bicho” é bonito, é. Nem bem nos acostumamos com o Airbus A380 e já estamos às vésperas de ver nos ares um monstro ainda mais gordo, com mil passageiros a bordo, fora a tripulação!

BOEING 797

Onde isto vai parar?

Um gigante capaz de transportar 1.000 passageiros a 10.000 milhas (16,000 km) voando a 0.88mach (654 mph - 1.061 kmh).  Tudo um sonho? Sonho trabalhado em segredo por um longo tempo. Essas imagens foram tiradas por um fotógrafo amador.

Boeing prepara o lançamento deste que as companhias aéreas poderiam chamar 1000. Seu design revolucionário que combina asa e fuselagem foi desenvolvido em colaboração com o Centro de Pesquisas da NASA.

Este "mamute" tem uma envergadura de 265pi (comparado a 211 de 747) pode usar as pistas atuais e foi desenvolvido para competir com AIRBUS A380 com uma envergadura faz 262pi.

O 797 é uma resposta direta para o A380, que já recebeu 159 pedidos firmes. A Boeing já "matou" seu SuperStretchedJumbo 747X, em 2003, depois do pouco interesse mostrado pelas companhias aéreas. Em vez disso, continuamos a desenvolver o Ultimate assassino Airbus, o 797, o fantasma da fábrica de Long Beach, Califórnia.

O Airbus A380 foi nas pranchas de desenho desde 1999 e exigiu 13 bilhões em custos de desenvolvimento, portanto, dando uma vantagem para a Boeing. O Airbus é um prisioneiro por causa do estilo "velho" tubular para as suas próximas décadas. O 797 é realmente uma enorme asa voadora.

Existem várias vantagens no projeto de "asa de fusão e fuselagem." O mais importante é a relação de "Lift and Drag" que deverá aumentar em 50%. Isto irá resultar em menor peso total da aeronave, cerca de 25%, e assim, dar uma maior eficiência de 33% em combustível versus o A380.

"A alta rigidez da célula" é outro fator-chave na tecnologia de "asa de fusão e fuselagem." Isso reduz a turbulência e cria menos estresse na célula e aumenta a eficiência de combustível, o que permitiria que os 797 a 10.000 milhas com 1000 passageiros a bordo, mantendo uma velocidade confortável de cruzeiro de Mach 0,88, ou 654 MPH. Outra vantagem da estrutura tubular e do tipo de limitação da asa A380 a 570 mph.

A data exata da introdução do mercado 797 ainda é incerta. Mas as linhas de batalha estão claramente desenhadas nesta guerra para o futuro da supremacia da aviação civil.