Reflexão sobre o Salmo 91

Por Professor Me. Ciro José Toaldo*

Dificilmente quem já passou por alguma situação complicada e de perigo em sua existência, não tenha se apegado ao poderoso Salmo 91, em algumas bíblias trata-se do Salmo 90.

O ser humano é propenso a viver na tribulação, pois é tentado pelo pecado a buscar o devaneio e tudo que o afasta de viver para honra e glória de Deus! Vivemos em tempos difíceis e de muita crueldade. Observamos que há muitos se aproximando dos outros com o único objetivo de obter benefícios e, num piscar de olhos, descartam aquela criatura, ou seja, usam-na e jogam fora! Que crueldade!

Mas, pior que tornar o outro descartável é envolvê-lo em perseguição social, ou seja, quando surge fofoca, maledicência e desejo de jogar este ser que já foi descartado, na sarjeta.

Em meio a estas tramas e percalços, surge o Salmo 91 como estimulo para não se desesperar e buscar se envolver com a proteção divina, encarrar os tormentos e tribulações como desafios, pois nestes momentos sentirá a presença de Deus.

Muitas vezes o afastamento da proteção divina, faz o ‘encardido’ se aproximar do ser humano para fazê-lo acreditar que dos céus nunca haverá socorro. Mas, poderá Deus trair os seus servos?

A resposta nos vem do Salmo 91: Deus jamais deixará um de seus filhos desemparados, como afirma o versículo quinze “na angústia estarei com ele; Eu o livrarei e o glorificarei”.

Esteja certo que Deus sempre te protegerá e o libertará dos perigos e das forças da maldade, basta ser justo e tendo a consciência do quanto é poderosa a proteção divina, como diz o inicio do Salmo: “quem habita ao amparo do Altíssimo e vive à sombra do Onipotente”, este terá a proteção do Altíssimo.

Por pior que seja seu sofrimento não blasfeme contra Deus, olhe a sua volta e veja quantos estão em uma situação pior; não perca as chances de refúgio, salvação e a dignidade de estar no caminho de salvação! De que vale a vida quando a desgraça, maldição, terror da noite, epidemia ou peste, víboras, leões ou dragões quiserem te devorar?

A fé deixa qualquer criatura permanecer em pé, com firmeza e com a certeza que junto de Deus pode-se vencer tudo.

No vale de lágrimas em que estamos inseridos, nosso amparo precisa vir do céu e do Altíssimo! Clame, ore, reze, interceda, suplique pelo nome de Deus e você não só verá, mas sentirá sua presença! Liberte seu coração do rancor e do ódio! Abra sua mente e se entregue a Deus!

Sua vida mudará e as tribulações (são as cruzes) irão se tornar mais brandas.

Confie!

Que Deus te guarde hoje e sempre!

Amém!


*Ciro Toaldo. Professor Mestre em História pela UFMS. Concursado nas Redes Municipal e Estadual de ensino em Naviraí MS. Atuação no Ensino Superior, nas áreas humanas. Diretor de Escola Pública e Coordenador Pedagógico da área de História na Secretaria Municipal de Educação de Naviraí por alguns anos. Professor de História no Ensino Fundamental e Médio